Clipe de Daniela Mercury que critica a ministra Damares tem quase o triplo de deslikes

Contando com a participação de Caetano Veloso, o single "Proibido o Carnaval" faz uma crítica à ministra Damares Alves

Daniela Mercury lançou o clipe "Proibido o Carnaval", com a participação de Caetano Veloso. (Imagem: Youtube / Reprodução)
Daniela Mercury lançou o clipe "Proibido o Carnaval", com a participação de Caetano Veloso. (Imagem: Youtube / Reprodução)

O clipe de Daniela Mercury, lançado na última terça (5) já está chegando ao triplo de deslikes, se comparado ao número de curtidas que tem acumulado no canal oficial da cantora no Youtube.

Contando com a participação de Caetano Veloso, o single "Proibido o Carnaval" faz uma crítica a Damares Alves, devido à declaração que a ministra deu semanas atrás contra a ideologia de gênero, afirmando que "meninas vestem rosa e meninos vestem azul".

O vídeo está com mais de 2,5 milhões de visualizações, mas o que também tem chamado a atenção é a quantidade de reprovações. Enquanto o clipe acumula 105 mil curtidas, chega a mais de 300 mil descurtidas.

Com frases como "Tô no meio da rua, tô louca / Tô no meio da rua sem roupa"; "Iemanjá lá no Sul / Vai de rosa ou vai de azul" e "Abre a porta desse armário que não tem censura pra me segurar", o clipe traz claras alusões à ideologia de gênero e também à perversão sexual que enche as ruas brasileiras durante o carnaval.

Ao final do vídeo, a cantora ainda faz uma dedicatória do vídeo a Jean Wyllys.

"Dedico este videoclipe ao meu amigo amado e incansável guerreiro Jean Willys. Estamos te esperando de volta: o Carnaval não está proibido! Axé!!!", escreveu Daniela nos créditos do vídeo.

Os comentários de reprovação ao clipe se multiplicam nas redes sociais.

"Gente, mas o clipe é muito ruim mesmo, só pela música já devia ser detonado", comentou um usuário no Facebook.

Em outro comentário, uma mãe contou que o clipe está aparecendo em forma de anúncio até para desenhos infantis no Youtube.

"Pior é que o Clipe entra como Anúncio do Nada no YouTube, Meu filho tava Assistindo desenho e Entrou, Quando vi ele tava vendo a Daniela Mercury de Peito de Fora", disse a internauta.

Contradição

Apesar da música "Proibido o Carnaval" ter sido lançado como uma forma de "combater a censura", a opção de comentar no vídeo publicado no Youtube foi desativada pela administração do canal de Daniela Mercury, impedindo assim que os internautas expressassem sua opinião sobre o material exposto.

Confira: